Central de Reservas: 0800 70 75 292
Acompanhe-nos
nas redes sociais

BLOG

Parque Estadual da Pedra Branca: conheça este destino incrível

O local é considerado um dos maiores parques naturais urbanos do mundo

 

Já ouviu falar no Parque Estadual da Pedra Branca? Ele está localizado na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, e é considerado um dos maiores parques naturais urbanos do mundo. Saiba mais sobre esse ponto turístico incrível do Rio e programe sua hospedagem no Plaza Barra First.

Criado em 1974, o Parque possui cerca de 12,5 mil hectares de área coberta por vegetação típica da Mata Atlântica – área quatro vezes maior que o Parque Nacional da Tijuca. Ele abriga o ponto mais alto da cidade: o Pico da Pedra Branca, com 1.024 metros de altitude.

Parque Estadual da Pedra Branca

 

Conheça seus principais atrativos

 

Trilha Rio Grande – Trilha simples, de 800 metros de extensão, toda sinalizada e planejada para visitantes de todas as idades. Fica no núcleo Pau da Fome e tem duração média de 30 a 40 minutos. As principais atrações são o aqueduto do século XIX, o recanto da Represa da Figueira, o recanto da Represa da Padaria, além de bromélias e árvores típicas da Mata Atlântica.

 

Trilha de Santa Bárbara – Conhecida também como Trilha da Casa Amarela, corta o vale do Rio Grande, entre o Pico da Pedra Branca e o Morro de Santa Bárbara. A Casa Amarela foi sede do antigo sítio de Santa Bárbara. É uma das mais percorridas do parque. Começa no núcleo Pau a Fome e possui trechos íngremes. Esta mesma trilha levará ao Pico da Pedra Branca. É considerada uma trilha simples, sem muita dificuldade, e sua duração é de aproximadamente 4 horas (ida e volta). São 3,5 km de percurso.

 

Trilha para o Açude Camorim – Por ser considerada de nível leve, é uma trilha frequentada por muitos idosos e crianças. São cerca de três quilômetros de caminhada, com uma linda vista do açude do Camorim. Seu ponto de partida é o Núcleo Camorim e sua duração é de aproximadamente duas horas e meia de caminhada (ida e volta).

 

Trilha Circuito das Águas – Complexo de atrações como cachoeiras, açude e represas. O tempo médio da caminhada é de 20 minutos, numa extensão de 250m e com baixo nível de dificuldade.

 

Trilha da Caverna Carlos Bandeira – São aproximadamente 4km de caminhada, que começa em Jacarepaguá, na Colônia Juliano Moreira. A maior parte da trilha é plana e tem recantos à beira-rio. O passeio pode durar até quatro horas, por isso é bom se preparar. A caverna possui 30 metros de extensão apenas, mas assusta quem não está acostumado a andar por lugares escuros. Para entrar, é preciso descer pelas pedras. Em seguida, é só atravessar o salão no interior da caverna para chegar ao outro lado, onde há uma saída para a floresta.

 

Travessia Rio da Prata X Pau da Fome (Via Monte Alegre) – Tem início em Campo Grande, no Rio da Prata. Caminhada média e longa, cruzando o Maciço da Pedra Branca por entre vales, com aproximadamente 11km de extensão e altura máxima de 800m. Atrativos naturais: riachos, trilhas e mirantes naturais.

 

O Parque Estadual da Pedra Branca está aberto diariamente, das 8h às 17h.

 

Programe-se e prepare-se para conhecer o local. Leve sua mochila, vá com roupas confortáveis, chapéu, protetor solar e água.

 

Fonte: www.trilhaseaventuras.com.br


Comentários



Newsletter background

Receba nossas novidades