Central de Reservas: 0800 70 75 292
PT EN Acompanhe-nos
nas redes sociais
Acesso restrito.
Nº de quartos
1
Quarto
Adultos
1
Crianças 0 aos 12 anos
1
Criança
Reservar

BLOG

O colorido dos tucanos nos jardins do Plaza Caldas da Imperatriz

Os tucanos deixam o jardim do Plaza Caldas muito mais colorido

Na região da Serra do Tabuleiro, nas proximidades do Plaza Caldas da Imperatriz, ao chegar o inverno, é frequente o aparecimento de uma grande variedade de aves florestais, comuns nas encostas e alto das serras, descendo para as partes mais baixas dos vales, mesmo em áreas de pouca cobertura florestal, como lavouras, pomares, jardins, etc. Esse fenômeno (migração vertical) ocorre principalmente pelas baixas temperaturas e diminuição na oferta de alimentos (frutos, sementes, insetos) nas áreas mais altas e frias da Serra. Nos jardins do Plaza Caldas da Imperatriz (200 m de altitude), por exemplo, é comum nos meses de, julho e agosto, uma “invasão” de tucanos, gralhas-azuis, surucuás, corocochós, tangarás-dançadores, sabiás, saíras, gaturamos, sanhaços, etc. Mas, as aves que mais se destacam e chamam a atenção, pelo porte e colorido da plumagem, são os tucanos.

Tucanos

Tucano – Ramphastos vitellinus

Tucanos

Araçari-poca

Os tucanos se alimentam basicamente de frutos, tendo assim, importante papel na dispersão de sementes de espécies florestais frutíferas da Mata Atlântica, como figueiras, caprorocas e principalmente do palmiteiro juçara (Euterpe edulis), do qual eles ingerem os frutos (bagas) e armazenam grandes quantidades no esôfago (papo), onde ocorre a retirada da polpa, que será digerida, deixando a semente “limpa”, que será regurgitada em seguida. Esse processo de “limpeza” das sementes, pelos tucanos, viabiliza em 95% sua germinação. Além de frutos, os tucanos podem também alimentam-se de insetos, aranhas e filhotes de passarinhos menores, comportando-se assim, como predadores, mas com igual importância na manutenção do equilíbrio ecológico na cadeia alimentar.

Tucanos

Araçari-poca

Na Serra do Tabuleiro, a espécie mais comum de tucano é a de bico-verde ( Ramphastos dicolorus), também ocorre, raramente, o tucano-de-bico-preto ( Ramphastos vitellinus) e da mesma família (RANPHASTIDAE) o araçari-poca (Selenidera maculirostris), chamado localmente de tucaniço, mais comum em mata densa, sendo raramente encontrado em áreas abertas, mas no inverno também aparece nos jardins do Plaza Caldas. Todos têm grande importância na disseminação de espécies florestais da Mata Atlântica e consequentemente precisam ser preservados, além de fazerem a alegria e encantamento dos observadores de aves, que se deleitam com o comportamento dos tucanos, de engolir os frutos do palmiteiro inteiro e depois regurgitar a semente pronta para dar origem a uma nova planta.

Texto e fotos do Biólogo do Plaza Caldas da Imperatriz – Fernando Brüggemann


Comentários



Newsletter background

Receba nossas novidades

2021-09-28 23:23:37 - 1632871417
Já foi!