Central de Reservas: 0800 70 75 292
PT EN Acompanhe-nos
nas redes sociais
Acesso restrito.

BLOG

Plaza Caldas da Imperatriz oferece programação especial

Semana da Colonização Alemã, de 19 a 24 de setembro, traz diferentes atrações aos hóspedes do resort

O Plaza Caldas da Imperatriz preparou, de 19 a 24 de agosto, a semana da Colonização Alemã com diferentes atrações especiais para os hóspedes. Saiba mais sobre a história de imigração no estado de Santa Catarina e confira as atividades oferecidas!

imigração Alemã em Santa Catarina começou por volta de 1828. Os alemães foram os primeiros europeus imigrantes no Brasil, depois dos portugueses. Quando D. Pedro I concordou com o noivado de sua filha Francisca de Bragança (irmã de D. Pedro II) com o príncipe Fernando de Orleans, o governo brasileiro sancionou a lei que declarava que as terras da província de Santa Catarina, entre os rios  Pirabeiraba,  Itapocu e baía de São Francisco, pertenciam a ela. Foi então que essa região ganhou o nome de colônia da Dona Francisca (atual Joinville).

Em 1843 a região era praticamente vazia, exceto a orla da praia, que era ocupada pela Marinha. Em 1849, foi firmado um acordo efetivo com o senador Schroeder de Hamburgo para a ocupação dessas terras. Nessa época, havia somente 17 famílias residindo na região do Vale do Itajaí. A casa mais perto de onde seria a colônia de Blumenau era a da Família Wagner. Foram eles que receberam e hospedaram o alemão protetor dos imigrantes Hermann Blumenau, que posteriormente receberia as terras do Rio Itajaí. Hermann se aliou ao comerciante Ferdinando Hackradt, que vivia em Desterro, e juntos combinaram de fundar uma empresa de agricultura e indústria. Eles acordaram que Hermann Blumenau iria buscar os alemães para trabalhar nela e, enquanto isso, Hackradt ficava na região e comandava os escravos para que eles iniciassem as construções de ranchos, roças e engenhos. Como Hermann demorou dois anos para voltar da Alemanha, Hackradt retornou para Desterro e saiu da sociedade. Comunicou ao sócio que a região estava ameaçada de enchente e que a empresa não daria lucro algum. Hermann não desistiu e conseguiu um pequeno grupo de pessoas que trouxeram algumas mudas de plantas para imigrarem para Santa Catarina.

Ao chegar, se depararam com um ambiente isolado com apenas um engenho de serra inativo, algumas cabanas, escravos e algumas vacas. Nesse instante Hermann, seu sobrinho, e mais 16 pessoas começaram a colônia de Blumenau. Construíram uma igreja protestante, ranchos e plantações. Eles foram ajudados por moradores da vinhaça, que deram dicas de adaptação e plantio, para receberem os próximos 250 alemães que viriam.

A colônia de Blumenau foi ocupada e desenvolvida na mesma época da colônia da Dona Francisca. Os alemães tinham praticamente a mesma origem e vinham do norte, nordeste e média Alemanha. A partir dessa colônia surgiram cidades importantes do estado, como Blumenau, Pomerode, Gaspar, Indaial e Rio do Sul. A colônia Itajaí foi fundada em 4 de agosto de 1860, por 55 alemães liderados pelo Barão austríaco Maximilian Von Schneeburg. Eles chegaram com pequenas embarcações e foram construindo pequenos engenhos de farinha.

Em 1910 foi a vez dos alemães colonizarem o oeste catarinense, mas a grande migração foi em 1930. Esses colonizadores já residiam no Brasil e eram, em sua maioria, netos dos imigrantes que saíram do Rio Grande do Sul para ocupar novas terras em Santa Catarina. Formaram a Treze-Tílias uma das melhores colônias no Brasil em termos de prosperidade. O sul de Santa Catarina também teve ocupação alemã, alguns vindos de velhas colônias da região Florianópolis e algumas vindas do Rio Grande do Sul. Atualmente, o estado Santa Catarina é considerado um dos melhores lugares para se viver no Brasil, com os maiores índices de desenvolvimento.

Confira a programação de Semana da Colonização Alemã no Plaza

– Almoço e jantar temáticos
– Apresentação folclórica de dança alemã
– Aula de dança
– Atividades noturnas para adolescentes (sexta e sábado)
– Bingo Plaza Show
– Boate com DJ (sábado)
– Brincadeiras temáticas, esportivas e artísticas para crianças de 4 a 12 anos
– Futebol para adultos no sábado
– Hidrodança e hidroalongamento
– Jantar recreativo (crianças e juvenil)
– Música ao vivo – voz e violão
– Música típica alemã
– Oficina de artesanato
– Passeio à cascata
– Show musical
– Teatro infantil
– Torneio de tênis
– Torta na Cara Pais e Filhos no sábado
– Trilha ecológica

 

Faça sua reserva aqui!


Comentários



Newsletter background

Receba nossas novidades