Central de Reservas: 0800 70 75 292
PT EN Acompanhe-nos
nas redes sociais
Acesso restrito.

BLOG

Hotelaria e Gastronomia de Porto Alegre apostam fichas no atendimento perfeito aos turistas no Mundial

A quatro meses da Copa do Mundo, o Sindicato da Hotelaria e Gastronomia de Porto Alegre (SINDPOA) ainda aposta fichas na capacitação dos profissionais do setor, com o objetivo de passar uma boa imagem dos serviços aos turistas estrangeiros que irão desembarcar na cidade em junho. A entidade promoverá cursos de motivação e simpatia, com informações sobre atendimento ao cliente, noções básicas de língua inglesa e dicas de pontos turísticos da Capital. A capacitação será realizada de 19 de fevereiro a 15 de junho, beneficiando pelo menos 700 trabalhadores, divididos em 36 turmas, implementadas nos três turnos do dia.
A formação de pessoas é uma prioridade do Sindicato, que enxerga o atendimento ao cliente como uma das lacunas do setor. Desde 2009, a entidade já capacitou 11 mil profissionais de bares, restaurantes e hotéis em Porto Alegre. “Esta ação que estamos lançando está focada em acelerar o processo de melhor atender os consumidores. Depois do Mundial, ficará como um legado para a cidade e os clientes locais”, reforçou ontem o vice-presidente do SINDPOA, Sandro Morganti Zanette, durante apresentação do projeto, que leva o nome de Seu Negócio Classificado Para a Copa. Conforme o dirigente, os estabelecimentos participantes receberão um selo, que identificará os locais certificados pela entidade.
Os alunos dos cursos poderão ser funcionários ou gestores de pequenas, médias e grandes empresas. Associados não pagam e têm prioridade nas inscrições, mas qualquer empreendimento do ramo pode participar. Todos que acompanharem os cursos receberão botons de identificação da qualificação recebida. “A ideia é que o turista saiba que pode se comunicar e pedir informações”, explica o presidente do SINDPOA, Henry Chmelnitsky. “Nosso desafio é encontrar o ponto de equilíbrio entre a técnica de trabalho e a simpatia na hora de atender a um cliente”, admite Zanette, afirmando que está bastante otimista quanto aos resultados do trabalho junto às empresas do ramo de gastronomia e hotelaria.
Atualmente, a entidade agrega 500 estabelecimentos, de um total de 9 mil restaurantes e 190 hospedarias responsáveis por aproximadamente 15 mil leitos na cidade.

Fonte: JC


Comentários



Newsletter background

Receba nossas novidades

2020-08-15 14:24:14 - 1597501454
Já foi!